Alice

Alice era menina e não gostava de estudar
Mas ela foi crescendo e só pensava em namorar
Nas lições de casa ela estava sempre longínqua
E as lições da rua ela trazia na ponta da língua
Fugia um dia no outro ou três
E todas suas ideias vinham de uma vez
Assim era bem pior
Tudo que tinha que fazer ela fazia de uma vez só

De dia ela era solidão de fazer dó
Trancada no seu quarto ouvindo the doors
Come on baby light my fire
À noite ela dizia estudar na casa da prima
E fugia com a moçada lá pro alto de ondina
Queria ser dona do litoral
Quando crescer casar com um industrial
Pra quando não ter o que fazer
Inventar o que comer

E assim
Alice magoou meu coração
Alice magoou meu coração
E eu não vou sofrer por você
Não vou sofrer por você
Não vou sofrer por você
Não vou sofrer

Sua mãe lhe ensinava ser uma esposa exemplar
E ela na rua aprendendo a com o amor jogar
Achava meio careta essa história de ver o sol se por
E convidava você pra ver o sol nascer
Então fiquei sabendo ela anda bebendo
Não posso ver o que vou fazer?
Mantive tanto tempo presa

Alice magoou meu coração
Alice magoou meu coração
E eu não vou sofrer por você
Não vou sofrer por você
Não vou sofrer por você
Não vou sofrer

Hoje em dia Alice é uma menina gente fina
De dia estuda filosofia e a noite ela faz medicina
Mas nunca esqueceu o que aprendeu na casa da prima
Apesar do seu lindo rostinho de menina
Sim mas e daí ela está?
Não não, ela saiu ela não vai demorar
Mas onde anda essa menina?
Ela saiu com quem?
Com a prima
Com a prima

Alice magoou meu coração
Alice magoou meu coração
E eu não vou sofrer por você
Não vou sofrer por você
Não vou sofrer por você
Não vou sofrer